Com cinco aquisições em dois anos, FCamara assume operação da Dojo e se consolida como referência global de estratégia de dados

Multinacional brasileira adquire 51% da companhia e fortalece ainda mais o portfólio de seu ecossistema de tecnologia e inovação

A multinacional FCamara, ecossistema de tecnologia e inovação que transforma adoção de jornadas digitais em valor para os negócios, acaba de adquirir 51% da operação da Dojo, empresa especializada em transformar a tomada de decisão nas empresas mais data driven. A transação foi feita em formato cash-in, que significa um investimento financeiro por parte da FCamara, para fomentar o crescimento e o desenvolvimento de novas tecnologias na Dojo. Esta aquisição fortalece ainda mais a posição da FCamara no mercado, integrando a expertise da Dojo em estratégia de dados e análises ao seu robusto portfólio de serviços. 

Situada em Florianópolis e fundada em 2019, a Dojo foi criada por Matheus Anversa e Gustavo Castanheira, executivos que já trabalharam em grandes empresas, como IBM, HP e Neoway, que foi adquirida pela B3, onde lideraram a jornada de engenharia e governança de dados da empresa. É referência na estrutura e ciência de dados, com construção de serviços de dados, em consultoria de Estratégia de Dados, Data Literacy e Big Data Analytics, com expertise em segmentos como manufatura, têxtil, alimentícia e energia. Como parte do ecossistema da FCamara, a empresa passa então a combinar seus serviços com todo o leque de soluções tecnológicas já consolidado pelo grupo, para fortalecer a capilaridade nos negócios, gerar maior visibilidade para a empresa, tornando-a mais atrativa para o mercado e para a captação de novos clientes. Além disso, o grupo fortalece ainda mais sua sólida expertise e atuação em Inteligência Artificial, unindo o avançado conhecimento da Dojo em IA às relevantes iniciativas do nosso Núcleo de IA.

“Com a chegada da Dojo, que é conhecida pela sua força e relevância no setor de dados, ampliamos nossa capacidade analítica e também fortalecemos nossa missão de transformar dados em decisões inteligentes e resultados tangíveis para nossos clientes. Como já expliquei anteriormente, o dado vale 1 real, a informação vale 10 reais e a transação vale 100 reais. Com a Dojo no nosso ecossistema, transformaremos os dados dos nossos clientes em transações”, comemora Fábio Câmara, fundador e CEO da FCamara.

Com uma expansão de 335% nos últimos quatro anos, a Dojo atende companhias também na França e nos EUA, como Nidec Global Appliance, Electrolux, US Motors, Leroy Somer e Grupo Vitru. “Queremos agregar valor à FCamara, seus clientes e parceiros, proporcionando resultados impactantes — tais como os que temos obtido com a Nidec, por exemplo, que reduziu 40% do inventário e aumentou 13% em seu faturamento com a estruturação dos dados internos dos clientes, transformando-os em soluções analíticas”, conta Matheus Anversa, fundador e CEO da Dojo. A expectativa de faturamento anual do Grupo somente em dados, após a aquisição, é de R$ 50 milhões nos próximos três anos. 

Anversa detalha sua satisfação com o novo desafio. “Estamos em busca de um crescimento mais acelerado e, fazendo parte de um ecossistema global consolidado no Brasil e ao redor do mundo, acreditamos que isso potencializará ainda mais a geração de resultados”, complementa. 

Essa parceria estratégica é um passo significativo para a FCamara, trazendo uma expertise crucial que vai além do core business, permitindo uma comunicação mais eficaz com os clientes sobre a importância de uma cultura orientada a dados e resultados no ambiente de negócios atual. “Essa aquisição é um marco para a FCamara, reforçando nosso compromisso em liderar pela inovação e pela geração de valor através dos dados. A chegada da Dojo amplia nossa capacidade de ajudar os clientes a alcançar excelência e maturidade em dados, refletindo diretamente no sucesso e crescimento dos seus negócios”, pontua Fábio. Além disso, a Dojo já está sendo validada com os clientes da FCamara desde 2022, e, chegam também para agregar valor ao projeto de IPO internacional da companhia.

“Além de toda parte técnica voltada aos negócios, avaliamos, ao longo de um relacionamento que já dura três anos, fruto de um encontro e proximidade adquirida em um MBA com o co-CEO da FCamara, Arthur Lawrence, um fit cultural muito grande entre as empresas, com um clima moderno, jovem e tech, o que facilita muito a integração das equipes. Esta jornada reforça a ideia de que M&As eficazes nascem de relações de confiança sólida e compartilhamento de valores, algo que se confirmou neste percurso. Ambas também começaram do zero, com poucos funcionários, e hoje se consolidam como referências nos setores em que operam, atuando no Brasil e em outros países”, conclui Anversa.

Compartilhe:

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a Newsletter

e receba conteúdos exclusivos para o seu sucesso

Entrevistas Identidades de Sucesso

Edit Template

sobre

Ecossistema de conteúdos e entrevistas exclusivas sobre Carreira . Gestão Empresarial . Liderança . Autoconhecimento . Mentalidade de Sucesso

Acompanhe as nossas redes sociais

assine nossa newsletter

Siga a Letícia nas redes sociais

© 2024 Identidades de Sucesso | Empresa do Grupo Identidade | Todos os Direitos Reservados | Portal desenvolvido por ID Branding & Co.